O que é Bruxismo e como combater!



Olá amigos, boa tarde! O tema de hoje é muito importante e poderá te auxiliar caso sinta alguns  dos sintomas abaixo relacionados. Mas pode ficar tranquilo, pois não tem nenhuma correlação com bruxas ou algo assim. Começo o artigo  com uma pergunta bem básica:  Você, ao acordar, sente fortes dores na cabeça ou nas mandíbulas? Se a resposta foi sim, é necessário saber a origem  de tais dores, pois você pode estar sendo acometido, durante as noites, pelo bruxismo.




I- CONCEITO BÁSICO DE BRUXISMO:


A busca por qualidade de vida vem sendo um fator primordial na vida de todos, e para uma satisfação pessoal, buscamos a saúde, o bem- estar, a moradia, um bom salário que  geram expectativas demasiadas  para o futuro.
Esta busca por dias melhores, com a necessidade de acesso a novas informações e tecnologias, acabam levando o ser humano a um estado de estress total.
A resultante de todas estas angústias, pode muitas vezes chegar a um estado de estresse bucal, gerando desgastes nos dentes, restaurações ou próteses e até dores que se refletem em todo o conjunto orofacial conduzindo o indivíduo ao Bruxismo.

O termo bruxismo é derivado do Francês "la bruxomanie" principalmente utilizado por Marie & Pietkiewicz em 1907, também Frohman (1931), fez a utilização pioneira deste termo para identificar um problema dentário desencadeado pelo movimento anormal da mandíbula.
Sendo uma patologia de ocorrência comum o bruxismo, pode e é encontrado em todas as faixas etárias, com prevalência semelhante em ambos os sexos. Já comprovado anteriormente em estudos, o bruxismo é uma das desordens funcionais dentárias mais prevalentes, destrutivas e complexas existentes, sendo tão antiga quanto o próprio homem.


Bruxismo é o hábito de apertar e/ou ranger os dentes que atinge cerca de 15% das pessoas. Trata-se de um hábito parafuncional que consiste em movimentos involuntários ritimados e espasmódicos de ranger ou apertar os dentes, ocorrendo normalmente durante o sono.  Trata-se de um hábito extremamente destrutivo adquirido inconscientemente, que consiste em raspar durante o sono as superfícies dos dentes superiores contra os inferiores. Pode ocasionar fortes dores de cabeça, desgaste dos dentes e distúrbios da articulação mandibular.
Para muitos, o bruxismo é um hábito inconsciente, ou seja, que muitas pessoas podem ter e nem mesmo perceber, até que alguém comente que elas fazem um horrível som de ranger de dentes enquanto estão dormindo.  Você já ouviu? Realmente é assustador.
 
Outras pessoas, só descobrem em uma consulta que seus dentes estão desgastados ou o esmalte de seu dente está rachado. Veja  o estrago  e o desgaste que  ocasionado  nos dentes dentes em virtude do Bruxismo: Mais um motivo para você buscar tratamento imediato, ou poderá perder alguns de seus dentes! Veja no exemplo como os dentes estão desgastados pelo intenso mastigar:



Alguns autores dividem o termo Bruxismo em cêntrico, ato de apenas apertar os dentes, ou excêntrico, onde além de apertar os dantes há também o ranger dos dentes, porém, ambos sempre involuntários.

II- SINTOMAS   E CAUSAS DO BRUXISMO:

Se você costuma acordar com dor de cabeça e/ou com os músculos da sua mandíbula doloridos, tem percebido seus dentes desgastados, doloridos e/ou soltos, é importante procurar assistência odontológica especializada, pois muitas vezes o bruxismo pode acarretar destruição do osso ao redor do dente e do tecido da gengiva levando a problemas na articulação da mandíbula, como a síndrome da articulação têmporo-mandibular (ATM). Veja nas  ilustração como identificar:

Outros potenciais sinais e sintomas de bruxismo incluem dor na face, na cabeça e no pescoço cujo período crítico será pela manhã (se a contração predominar a noite) ou no final da tarde (se predominar de dia).
Além das superfícies dentais desgastadas, os sintomas podem incluir:
• Dores de cabeça tensionais: podendo atingir rosto, pescoço e ouvido.
• Dor da articulação da mandíbula.
• Dor e o desgaste dos dentes.
• Traumas repetidos e inflamação da gengiva, entre outros.




 
III-  CONSEQUÊNCIAS  DO BRUXISMO:

O bruxismo pode apresentar diversas consequências, como fratura, desgaste e sensibilidade dental, perda de restaurações, lesões na língua e bochechas, alterações na dimensão vertical, hipertrofia muscular, sensibilidade ou fadiga dos músculos mastigatórios, dores faciais, dor de cabeça, transtornos otológicos, como zumbidos e vertigens, e também alterações na musculatura do pescoço, podendo causar alterações na postura do corpo todo.
As causas do bruxismo são em grande percentagem associadas ao stress físico e emocional segundo informado no  Wikipedia. Senão  vejamos: A freqüência e severidade do bruxismo estão altamente associadas ao stresse emocional e físico. Quando noturno, o bruxismo envolve movimentos rítmicos semelhantes aos da mastigação, com longos períodos de contração dos músculos mandibulares, podendo ser a causa da dor muscular e da fadiga. Um alinhamento incorreto dos dentes e o fechamento inadequado da boca costumam estar presentes em grande parte dos casos. A doença pode atingir qualquer pessoa não tendo relação direta com a faixa etária. A incidência é maior nas mulheres que nos homens. O esmalte dentário é o primeiro a receber os danos do bruxismo, causando assim o desgaste anormal dos dentes, podendo se estender até a gengiva, causando dor. Em dentes mais frágeis, sejam eles cariados ou tratados, a fricção pode provocar quebra e fissuras.
As dores de cabeça tensionais são comuns nos portadores de bruxismo. Elas surgem por contração excessiva dos músculos da mastigação, podendo atingir rosto, pescoço, ouvido e até ombros. Outro problema decorrente do bruxismo é dor na articulação temporomandibular (localizada no osso do crânio e mandíbula). Esta também pode sofrer estalos, travamento, restringir a abertura da boca e desviar para o lado ao abrir e fechar.”

Pesquisadores alemães estudaram um pequeno grupo de pacientes para ver se o bruxismo durante o sono – o hábito de ranger os dentes durante a noite – estava relacionado com estresse.
Um total de 69 pessoas, incluindo 48 que tinham bruxismo, foram avaliadas com um questionário para verificar-se se elas relatavam problemas diários, problemas no trabalho, fadiga ou problemas físicos.

Cada participante tinha entre 20 e 40 anos de idade e um parceiro de sono que relatou ter ouvido sons de bruxismo durante a noite nos últimos seis meses. Os participantes também relataram um ou mais sintomas de bruxismo antes do estudo, incluindo fadiga muscular ou dor ao acordar, desgaste anormal dos dentes ou pontos brilhantes nas restaurações e músculos mandibulares aumentados.
Os pesquisadores também mediram o bruxismo dos participantes durante a noite por cinco dias consecutivos, usando finas placas especiais colocadas na boca durante a noite para registrar os padrões de bruxismo.

Os pesquisadores concluíram que os participantes com alta atividade de bruxismo durante o sono tendem a se sentir mais estressados no trabalho e na vida diária e, de acordo com o questionário, parecem lidar com o estresse de maneira negativa.
O bruxismo é um problema dental perigoso que pode não apenas desgastar os dentes, mas também torná-los mais sensíveis ou mesmo fraturá-los.
Por isso, é muito importante diagnosticar o bruxismo  o quanto antes para proteger seus dentes enquanto dorme. Procurar o seu dentista é fundamental!



IV- BRUXISMO PRECOCE EM CRIANÇAS:


Crianças com pouca idade podem apresentar o hábito parafuncional, e a maturidade desta criança deve ser levada em conta no momento de traçar um plano de controle e tratamento. Pela pouca idade, o uso de dispositivos intraorais pode trazer insucesso devido à falta de colaboração. Medicamentos que tendem diminuir a atividade muscular devem ser prescritos com muito critério, devido aos possíveis efeitos colaterais em crianças.


Orientar os pais e responsáveis consiste em uma etapa muito importante para o tratamento desse hábito, devendo ser realizadas orientações com relação aos hábitos diários da criança, incentivo à prática esportiva, redução no consumo de alimentos estimulantes, como café, chocolate, refrigerantes, entre outros e redução dos fatores que possam causar ansiedade na criança, lembrando que cada indivíduo reage de maneira distinta para uma mesma situação, o que é fator de ansiedade para uma criança não necessariamente é para outra.

Hábitos como, mascar chicletes, morder ou apertar objetos estranhos, devem ser considerados como um vício concomitante do bruxismo e portanto, devem ser eliminados durante o tratamento
Por ser um hábito que apresenta diversas consequências, o tratamento precoce é de fundamental importância para evitar o aparecimento das mesmas, e também para evitar qualquer alteração no crescimento e desenvolvimento da criança bruxista.

IV- TRATAMENTO E PREVENÇÃO: 


O tratamento apropriado dependerá do que está lhe causando o problema. Com perguntas apropriadas e examinando detalhadamente seus dentes, determina-se qual a fonte potencial de seu bruxismo. Com base nos danos causados, pode-se sugerir:
  1. Dentre as diversas opções de tratamento, temos o tratamento comportamental por meio de técnicas de higiene do sono, biofeedback, técnicas de relaxamento, redução da ansiedade, e até mesmo a hipnoterapia, o tratamento farmacológico com a utilização de medicamentos antidepressivos, anticonvulsivantes, relaxantes musculares, e também a aplicação de toxina botulínica, tratamento fisioterápico, envolvendo a massoterapia, aplicação de Tens, ultrassom e laser. Além disso, existem as terapias alternativas, como acupuntura, homeopatia e fitoterapia. Sendo os tratamentos não invasivos os mais indicados.
  2. O uso de um dispositivo quando dormir. Feito sob encomenda pelo seu dentista e ajustado aos seus dentes. O dispositivo mais comum encaixa-se nos dentes superiores e impede o encontro direto com dentes inferiores, entretanto existem dispositivos ortopédicos mais confortáveis oferecidos por profissionais especialistas.



  3. Os aparelhos (dispositivos) são uma maneira de se evitar os danos causados pelo bruxismo, mas não são uma cura. Entretanto, a colocação de placas constitui-se num tratamento, digamos, sintomático. O ideal seria o tratamento dos estados tensionais, estressantes ou ansiosos que produzem o Bruxismo e Apertamento.4.Encontrando meios de relaxamento. O estresse parece ser uma das principais causas do bruxismo. Desta forma, tudo que possa reduzir a tensão, pode contribuir - ouvir música, ler um livro, fazer um passeio, em um campo florido, sentir o  leve e suave toque do sol na pele,  ou seja: relaxamento TOTAL E ABSOLUTO!


    Portanto, conclui-se ser recomendação obrigatória aos pacientes com bruxismo seria trabalhar menos e se divertir mais! 
       Abraços a todos!    

Fontes de pesquisa:
Wikipedia, Odontomagazine, Odontoline
ADA - Associação Dental Americana
Imagens: Google  imagens

42 comentários:

  1. Adri Anjinha, minha prima!!!!

    Esse post foi escrito pra mim: tenho bruxismo! rs Desde criança costumo ranger os dentes, mas só durante o sono; em vigília, não.
    Conhecia já alguns métodos para controlá-lo, como você mostrou aqui. O que me impediu, porém, de colocá-los na prática, foi a preguiça! hehe Quando vou ao dentista, nunca falo desse assunto, opto sempre em fazer limpeza nos dentes, e talz, não menciono essa particularidade... Pretendo em breve fazer a prótese porque a acho mais adequada para mim.
    Sobre os sintomas, não apresento nenhum deles. Nada de dores, nem estalos, nada disso... Só sei que tenho porque meus familiares já escutaram várias vezes minha "sinfonia horrosa noturna"! rs Hoje em dia tenho bemmmmmmm menos, só que não gosto de ter assim mesmo! hehe

    Beijos, querida!!!!
    Seu post é bem informativo!!! Já falei que ler seus artigos é um vício, né? Vício do bem, é claro! rs

    Mary:)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mary, minha querida!!! BEM-VINDA AO CLUBE DAS PORTADORAS DE BRUXISMO!! :)

      Nem acredito, você também prima? Até nisso somos parecidas!!!
      O artigo foi inspirado em fatos bem reais! Eu também morro de vergonha de falar que tenho bruxismo ao dentista... mas agora, diante do ocorrido, não há mais como esconder!
      O meu bruxismo é tão intenso que na semana retrasada rachei um dente de noite na raiz. Foi tão grave que tive que extraí-lo e estou um pouco "banguela" rsrs
      Pensei em fazer logo o artigo, pois poderá, de alguma forma ajudar aqueles que possuem e não tem a placa protetora em dia. Eu usava a placa, mas nem isso me impediu de rachar o dente... Agora já encomendei uma bem reforçada, acho que terá de ser de titanium..kkkkk

      Sim querida, mas pelo que mencionou, o seu é mais ameno e leve, pois não sente dores e estalos. Faça logo a sua plaquinha protetora amiga, não demore muito não. A intensidade do seu deve ter diminuído porque você deve ter relaxado mais nos últimos tempos, pois você é mais tranquila e comedida.

      Mas para quem é "sofre dos nervos" o bruxismo é bem peculiar. Sabe, eu sou nervosa demais e por isso sofro tanto!!! e a sinfonia noturna enlouquece qualquer um...rsrs

      Muito obrigada pela participação querida! Me deixa muito feliz mesmo! Desculpe se nas últimas semanas pouco de visitei, mas foi por alguns motivos de saúde! Mas espero retribuir em breve todo o seu carinho minha escritora do coração!!
      Beijos e uma semana maravilhosa!!!

      Excluir
  2. Oiiii Amiga
    Descobri a pouco tempo que eu tinha bruxismo tudo iniciou segundo o meu dentista devido ao Stress ,estou tratando meus dentes,mas é uma tortura tenho pavor de dentistas,rsrsrsrs...mas não tem como não encarar o medo e o dentista,o tratamento é necessário e se não o fizer as consequências são enormes!!!
    Adorei o tema abordado querida
    Beijão!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite Mauro! Que bom tê-lo aqui averiguando este artigo tão importante para a nossa saúde!
      Pois é, que interessante não é mesmo? Percebo que a ocorrência do bruxismo é muito comum e está se tornando recorrente hoje em dia em virtude da vida estressada que estamos levando!
      Também morro de medo dos dentistas..rsrsrs Mas é necessário enfrentá-los por questões de saúde bucal e até mental, pois o bruxismo afeta a nossa arcada dentária a tal ponto que podemos nos deprimir em virtude das dores excessivas e do desgaste exagerado dos dentes. É por isso que é tal importante a gente se cuidar, não é mesmo?

      Agradeço muito sua participação e comentário amigo! Bem-vindo ao clube de quem possui bruxismo , mas vamos pelo menos amenizar os sintomas não é?
      Abraços e uma grandiosa semana!!!

      Excluir
  3. Olá minha querida e adorável amiga Adriana, bom dia!!!
    Minha amiga... e eu que pensava que bruxismo era a arte das bruxas... rsrsrsrs... aquelas com grandes chapéus pretos em forma de cone e com aquela vassoura voadora... rsrsrsrs... Isso foi só para descontrair... Tenho um sobrinho com apenas trinta anos que tem esse problema desde a adolescência, ele usa esse aparelho da foto para dormir... Não sei dizer se faz algum outro tipo de tratamento, vou passar isso pra ele, com certeza lhe será de grande utilidade... Fiquei surpreso com o grande percentual de pessoas com esse problema, é bem alto...
    Parabéns minha amiga, essa matéria será de grande ajuda para muitos.
    Tenha um lindo e abençoado dia, repleto de muitas alegrias!!!
    Abraços com carinho e muita paz!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu querido amigo Luis! Que bom que veio conferir a "arte das bruxas" ...rsrs Mas eu também brinquei duas vezes durante o artigo com esta conotação. Coloquei a imagem de uma bruxinha na vassoura e depois de outra em um consultório dentário questionando o dentista. Eu achei tão divertido fazer essa comparação!!

      Eu a fiz para aliviar um pouco o post, pois trata-se de um assunto mais sério dos que geralmente publico. E a razão para fazê-lo? Porque eu sofro de bruxismo dedes novinha, assim como o seu sobrinho e já desgastei três placas ao longo da caminhada..rsrs Agora, finalmente estou fazendo a quarta que deverá ser super reforçada! Até brinquei com a Mary dizendo que preciso de uma de titanium, o material mais sólido e resistente do mundo!!! kkkkkk

      Pois é amigo, brincadeiras à parte, o bruxismo atinge muitas pessoas, principalmente as mulheres e agora está muito incidente até nas crianças. Infelizmente não tem uma cura específica, mas ter uma vida tranquila, longe do estresse e de uma vida agitada pode diminuir bastante os sintomas! Eu estou tentando me condicionar a uma vida saudável e sem estresse. Até criei esse cantinho para isso: para depositar aqui alguma experiência de vida mais saudável. Está melhorando!! E vai ficar cada vez melhor porque otimismo não me falta meu querido amigo!!!

      Muito obrigada pela participação, sabe que gosto muito, demais!
      Abraços e uma ótima semana!

      Excluir
    2. Oi, minha querida e encantadora amiga Adriana, boa noite!!!
      Tudo que leva um pouco de humor fica mais fácil de assimilar e mais divertido para leitura e entendimento, além de provocar momentos de alegria, claro...
      O assunto é mesmo muito importante e sério e muita não fazem a menor ideia que isso precisa ser controlado... compartilhei para alcançar mais um pouco de amigos...
      Obrigado minha amiga, também adoro passar por aqui, muito!!!
      Tenha uma linda noite e um novo dia maravilhoso e abençoado, repleto de muitas alegrias!!!
      Abraços com carinho e muita paz, querida amiga!!!

      Excluir
    3. Muito obrigada por compartilhar querido Luis!
      Realmente o tema é importante, pois muitos tem bruxismo ainda na fase inicial e pode ser controlada com a preservação total dos dentes. Quem sabe assim, lendo o artigo, poderá despertar nas pessoas o porquê das dores de cabeça intensas e no maxilar ao amanhecer.
      Obrigada novamente e uma super semana amigo!
      Abraços com carinho!

      Excluir
  4. .


    Não vou matá-la de curio-
    sidade. Confira no meu blog
    quem ficou com a boca cheia
    dágua.

    Beijos,

    silvioafonso






    .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Silvio, bom dia!
      Espero que o artigo sobre os sintomas do bruxismo tenha sido útil a você.
      Agradeço o convite!
      Abraços e uma ótima semana!

      Excluir
  5. Olá,
    Minha parceira de G+!
    Sumida...
    Eu não tenho bruxismo.
    Sou a verdadeira Bruxa! rsrsrs
    Estou tratando para que não se agrave.
    Então, beijão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Beth, saudades amiga!
      Eu estava mesmo um pouco sumida de todas as redes!
      Mas sanado os problemas de saúde, retorno com toda a força!

      Ainda bem que não sofre de bruxismo amiga!!rsrs
      E duvido é o dó que é uma bruxa também ..rsrs
      Adorei a brincadeira, você sempre carregada de bom humor querida!

      Beijos e agradeço a visitinha, me deixou FELIZ!!! :)
      Uma semana maravilhosa!!!

      Excluir
  6. Adri, eu andava tão tensa uns anos atras que precisei usar aparelho para não comprometer os dentes quando estivesse dormindo. Ainda hoje, quando acordo, normalmente estou com a boca bem fechada, selada... rsss... mas não sinto nenhum tipo de dor. Eu sei de gente que tem seus dentes muito desgastados por causa do bruxismo e pelo que entendi até crianças sofrem deste problema.

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sissym,boa noite minha fadinha!!! Puxa, sabe que eu estou surpresa amiga?
      Eu achava que seria uma raridade, que poucas pessoas apresentassem os sintomas do bruxismo, mas notei que é muito mais comum do que eu imaginava!
      Realmente o bruxismo vem daí: da alta tensão do nível elevado de estresse. E o uso do parelho, como fez, é imprescindível, senão os dentes viram uns toquinhos raspados!
      É verdade: o bruxismo está atacando até as crianças que, hipoteticamente, ainda não apresentam um nível elevado de estresse. Mas ocorre e medidas devem ser tomadas desde cedo para não comprometer a saúde das mesmas no futuro!

      Agradeço muito sua participação querida!
      Deixo um super beijo!

      Excluir
  7. Que bom que o susto passou e está tudo bem, amiga!!!
    Meu pai e meu irmão tem brixismo e é complicado, pois já tentaram muitos tratamentos e todos apenas ajudaram a uma melhora, mas ainda há fases de mais intensidades.
    Um grande abraço, minha querida!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Malu, boa noite querida! Tudo bem?
      Sim, passei um susto daqueles, mas agora tudo está voltando ao normal! É bom demais para ser verdade!

      Pois é, mesmo diante dos tratamentos realizados para combater o bruxismo, infelizmente ainda anão existe cura para combater esse mal que destrói os dentes e provoca muitos dores na face. Sei muito bem como o seu pai e seu irmão devem sofrer com isso amiga! Mas diga a eles para que permaneçam sempre bem relaxados e longe de uma vida corrida que os sintomas podem ser amenizados.

      Agradeço muito sua participação e presença Malu!
      Venha sempre tá? Beijos e uma ótima semana!!

      Excluir
  8. Olá!Boa noite!
    Tudo bem, Adriana?
    Amiga...outro belo texto informativo, e bem detalhado!Eu li atentamente!
    ...é ...o problema foge dos contos de fada, é bem real e, se não tratado a tempo...quem sabe um príncipe sem dentes e lesões nas articulações da mandíbula com sérios prejuízos para a mastigação.Dizem que para o diagnóstico ser preciso, é indicada a realização de uma polissonografia, um exame que avalia o comportamento durante o sono, principalmente em crianças...
    ah..sim...eu não me lembrava do Kid Abelha, mas fiz questão de ouvir no you tube...nossa!Quanto tempo!rsrs
    ... o blog da Nina ...também faz UM ano! Quem diria!
    Boa quarta feira!
    Beijos
    Obrigado pelo carinho da visita, viu?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite Felisberto! Tudo bem amigo! Muito obrigada pela presença!
      Acho que você não deve ter os sintomas do bruxismo, puxa, isso é muito bom pois mantém protegido todos os seus dentes! Realmente foge dos contos de fada...rsrs o que resta é uma bruxa desdentada se ela tiver bruxismo..rsrs
      É verdade, as crianças precisam ser protegidas, pois caso contrário, as consequências podem ser mais graves. O exame que indicou é perfeito para uma avaliação do sono em vigília!

      Eu que agradeço sua visita e participação amigo! Muito obrigada!
      Uma ótima quarta-feira para você também!
      Abraços com carinho!

      Excluir
  9. Oba ela apareceuuuu
    Adriana, como está primeiramente bem vinda novamente, eu particularmente estava com saudades dos seus posts.

    Segundo, mas que nome esquisito para alguns sintomas, bruxismo, eu não havia ouvido falar antes, mas ao ler o post, percebi que já tive quando criança, tinha a mania constante de ranger os dentes e após tratamento dentário o mesmo passou.

    Se você lê o artigo não acredita, mas ao ler, vi que atinge um número considerado de pessoas e é incrível o quanto delas não sabem que possuem a mesma.
    Eu agradeço, por voltar, e nos trazer um texto repleto de informações, que poderá não só ajudar a mim, mas muitas outras pessoas que desconhecem a mesma.

    Um grande beijo querida tenha uma excelente noite de sono.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá minha querida Clarice! É bom demais estar de volta amiga, depois de duas semanas bastante tempestuosas! E recebendo o seu carinho e afeto sinto-me ainda mais forte!

      Ah, que bom! Sinto que o artigo sobre o Bruxismo veio mesmo a calhar uma vez que muitas pessoas ainda desconhecem esse mal que ataca durante a noite. E o pior é que somos nós mesmos que destruímos, involuntariamente, todos os dentes, seja rangendo-os ou apertando o maxilar. Você teve bruxismo infantil, bem precoce querida. Mas ainda bem que o tratamento que você realizou te curou. Ufa, que alívio.

      Eu que agradeço o seu comentário amiga, sinto-me muito feliz com o seu carinho! Não posso viver sem todos vocês!!

      Beijos com muito carinho!
      Uma semana maravilhosa!

      Excluir
  10. Adriana, fico feliz que esteja recuperada. O que houve com você? Li seu comentário para a Mary, foi bruxismo que te levou ao Hospital? Espero que já esteja tudo bem! Muito bom e informativo esse post. Já sabia a respeito do problema, mas não com tantos detalhes importantes. Um beijão!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sérgio! Que bom que está aqui querido amigo!!!
      Eu até que me recuperei rápido, pois já sou acostumada a lidar com as questão do Bruxismo que me acompanha desde sempre. Mas rachar um dente na raiz foi a primeira vez e é por isso que precisei tomar medidas radicais. Mas, concomitante ao meu problema o meu pai teve uma crise de infecção grave e foi ele que teve que passar uma semana internado em tratamento e eu fui uma das acompanhantes dele no hospital. Nestes dias abandonamos tudo e ficamos apenas por conta do tratamento. Agora está tudo bem, muito obrigada pela preocupação amigo!

      O bruxismo é bastante perigoso amigo, é por isso que fiz o post. Para alertar aqueles que porventura possuem mas não tem consciência disso ainda.

      Muito obrigada por ter vindo, sabe como gosto da sua presença!
      Abraços e uma semana muito boa e iluminada!

      Excluir
  11. Olá preciosa Adriana, gostei de ler tuas coisas, interessantes!
    Já te seguindo por dois perfis meus, sou uma blogueira de plantão, gosto de seguir quem me segue, comentar e vice versa.
    Fico feliz por seguir você, e por você me seguir também.
    Vem pra este aqui também ele está incluso no perfil que você já segue
    o blog EMOÇÕES!
    Bem vinda amiga nova ao meu coração! Conheça meus outros blogs, viu?
    Te espero.
    Um cheiro
    Fica com Deus!
    Eu! Leilinha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Leilinha! Obrigada pela visita querida!
      Que bom que gostou dos artigos deste cantinho, fico muito feliz por isso!
      Saiba que adorei o seu blog de poesias e agora me surpreendeu ainda mais, pois tem outros. É claro que vou conhecê-los, obrigada pelo convite!
      Deixo um beijo carregado de agradecimento!
      Uma super semana!! :)

      Excluir
  12. Ótimo artigo este de seu post, Drica!
    Espero que os "problemas" que teve em sua vida tenham melhorado.
    Fica bem e que Deus proteja você e sua família.
    beijos e tudo de bom! ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite linda Barbie! Estou tão feliz que esteja aqui comigo agora!!!
      Ora, todos os meus problemas praticamente foram solucionados amiga e ainda, saí do furacão ganhando um lindo presente do seu blog. Sabe, ainda nem acredito que eu ganhei..rsrs Estou flutuando!!!!! Obrigada querida!!!
      Eu escrevi sobre o bruxismo para alertar aqueles que possuem e ainda não sabem....
      Quem sabe não poderá beneficiar e prevenir alguém que esteja apresentando os sintomas, não é mesmo?

      Mil beijos bonequinha!
      Agradeço o seu carinho !!!

      Excluir
  13. Oi Adriana, passei pra retribuir sua visita ao meu blog e gostei muito daqui tbm.
    Um abraço, vou voltar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paty, boa noite!
      Eu que agradeço sua visita e gentil comentário!
      Gostou mesmo deste cantinho? Sinto-me honrada, obrigada!
      Saiba que também adorei o seu espaço, tanto que já trouxe o seu banner para cá!! :))
      Um super abraço e aguardo você voltar, quando puder!!!
      Thauzinho!!!!

      Excluir
  14. Oi Adriana

    Super importante este seu post. Utilidade pública, muito informativo e completo. Fica a dica para quem range dentes ao dormir, não é tão simples assim e pode provocar enormes estragos nos dentes e na saúde, uma visita e orientação ao dentista é fundamental, em seguida tratar a causa disto.

    Um beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Van, querida! Que bom que está aqui comigo amiga!

      Sim , é verdade! Julguei muito importante a realização desta postagem pois eu mesma, por ter bruxismo desde criança, acabei, nos últimos dias, de rachar um de meus dentes o que me ocasionou uma série de transtornos.
      Assim, pretendo informar quem possui e ainda não sabe, pois quanto antes iniciar o tratamento é melhor para a preservação dos dentes e da saúde, sempre, é claro com a ajuda do seu dentista.

      Agradeço muito sua presença querida!
      Um super beijo e ótima quinta-feira!!!

      Excluir
  15. Um belo artigo, bem detalhado.
    Bruxismo é uma patologia muito chata. Sei disso porque possuo, desde os 16 anos. Aliás, fica um alerta aos pais, em época de grande estresse, como o vestibular, a chance do seu filho ter bruxismo é alta.
    No meu caso, o dentista falou que era um dos piores casos que ele tinha visto. Hoje, vários anos depois do vestibular, diminuiu muito meu bruxismo. Fica a dica aos pais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rodrigo, muito boa tarde!
      Fico muito feliz com a sua presença e participação! Obrigada!

      Bruxismo é coisa séria mesmo, pode afetar drasticamente a saúde! Você, assim como eu fomos premiados com este mal de ranger os dentes. Há duas semanas, perdi um dente por conta do bruxismo, ele rachou na base. E olha que uso placa protetora, mas não conteve a força da minha mastigação noturna. Mas existem mais pessoas que também sofrem de bruxismo e ainda não iniciaram nenhum tipo de tratamento para combatê-lo. Por isso que faz-se necessário um alerta, como muito bem especificou em seu comentário.

      Realmente em épocas tensas, a chance de o bruxismo se intensificar é muita! Espero que , no seu caso, tudo tenha se amenizado.

      Agradeço novamente e desejo uma boa semana!
      Abraços!

      Excluir
  16. Passei por aqui pra deixar um beijo Adriana, como estão as coisas??

    Muito interessante o artigo, vou favoritar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vanda, que anjo de bondade você é amiga! Assim fico emocionada com a sua preocupação. Muito obrigada mesmo!! :))

      Sabe, eu fui uma vítima do Bruxismo que aos poucos foi danificando os meus dentes até rachar um deles. Mas já estou bem melhor, tentando controlar minha ansiedade que sempre foi muito intensa devido ao trabalho. Hoje estou muito bem e ainda mais feliz que esteja aqui comigo!! Muito obrigada querida, adorei sua visita!!
      Fico feliz que tenha gostado do artigo,obrigada!

      Um grande beijo linda!!!
      Boa quinta-feira!!!

      Excluir
  17. Olá Linda Adriana!
    Já passei a fase em que acreditava em bruxaria...
    Quando era mais novo, andava stressado com os estudos! Sentia-me mal, dormia pouco, tinha muito medo do escuro, quando passava de noite por certas zonas da minha cidade mal iluminadas, ao caminhar a pé, via vultos, meu coração e pernas tremiam...rs
    Até que consultei uma senhora velhinha que fazia rezas, por bruxaria, e me indicou o tratamento que compri sem vacilar...lembro que no final teria de lançar ao rio, um pacote com especiarias que ela me tinha dado!
    Certo é que tudo voltou ao normal, passei a dormir melhor, deixei de ter mêdo de caminhar em ruas escuras...(hoje sei que nosso cérebro é uma fonte de imaginação, incontrolável)
    Adriana, se vc não sabe fica a sabe... essas senhoras velhinas sem chapéu nem vassoura, eram vizitadas por empresários, políticos e jogares de futebol...
    Eu, minha querida amiga, hoje não acredito em Bruxas!! Mas que as Há...Há!!
    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. José, bom dia!
      Você não compreendeu o sentido do texto!
      Bruxismo é o ato involuntário de ranger os dentes durante o sono e não existe nenhuma relação ou correlação com "bruxarias".
      De qualquer modo, agradeço muito sua presença!
      Abraços e uma feliz semana para você!

      Excluir
  18. muito bom mesmo seu post sobre o assunto me ajudou muito a entender mais sobre o assunto, obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, boa noite! Seja bem-vindo!
      Agradeço muito o seu comentário, pois a partir da sua manifestação , percebi que posso contribuir para repassar os conhecimentos sobre o bruxismo, que tenho desde a infância!
      Agradeço muito e convido para conhecer os demais posts de saúde do blog!
      Abraços e ótimo fim de semana!

      Excluir
  19. Muito bom foi grandemente esclarecedor,frequento dentistas a muitos anos e pelo que vejo eles mataram esta aula de bruxismo tenho quase todos os sintomas de bruxismo ,sofro a anos com um zumbido no ouvido que é um terror e nunca fiz nenhum trabalho para resolver problemas de bruxismo,os únicos sintomas que admito não ter é ranger de dentes a noite e dores de cabeça,no mais tudo se encaixa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia Roger! Fico muito feliz com a sua presença aqui no Blog!
      Seja muito bem -vindo ao Vivendo a Vida bem Feliz!

      Eu escrevi um post especial sobre bruxismo justamente porque tenho desde a infância e desde então estou sempre buscando formas de amenizar os sintomas, uma vez que o bruxismo não tem cura!

      O principal ato no bruxismo é o ranger de dentes Roger! Se você já percebeu se o faz durante o dia? Talvez seja isso que esteja causando as dores e zumbidos no seu ouvido! Sugiro procurar um Otorrinolaringologia que poderá te auxiliar a resolver os problemas de zumbidos no ouvido.

      Agradeço muito sua presença e convido par conhecer os demais artigos de saúde do blog!
      Um grande abraço e uma ótima semana!

      Excluir
  20. Adriana,meu filho de 5anos depois que pega no sono pesado começa a ranger os dentes com muita força e com isso começa a emitir um som horrível e desesperador pra quem houve, levei ao pediatra e a medica dele cogitou a hipótese de ser bruxismo, será que é verdade?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, boa tarde!
      Lamento demais por seu filho querida, mas é melhor descobrir na infância do que na idade adulta!
      Leve seu filhinho para uma consulta ao dentista e ele falará se ele realmente está com bruxismo atualmente também muito comum em crianças pequeninas!
      Quanto antes ele iniciar o tratamento, melhor será para ele tá?
      Beijos e desculpe o atraso na resposta!
      Eu estava passando por períodos difíceis também, pois tenho bruxismo e precisei extrair os os dentes do siso!
      Abraços e qualquer dúvida entre em contato comigo aqui no blog tá?
      Bom fim de semana! :)))))

      Excluir

Fique à vontade para expressar seus sentimentos e sugestões.
Você é sempre muito bem-vindo(a)! Obrigada e Abraços!

Tecnologia do Blogger.