16 Grandes Monumentos da Humanidade que você precisa ver sob uma nova perspectiva:




Olá amigos queridos! Tudo bem? Como estão as coisas? Precisando arejar a cabeça? O artigo é longo, mas é magnífico! Então, para  relaxar um pouco, venha comigo nesta pequena viagem de férias, conhecer coisas novas e tentar mudar o foco para esquecer as decepções sofridas. Inclusive hoje, deixei a atividade física um pouquinho de lado, para viajar, ou pelo menos, pensar que estou em vários lugares do mundo ao mesmo tempo. Antecipo que são lugares fascinantes!


Afinal, quem também já não desejou estar em vários lugares neste vasto mundão? Muitos de nós, só conhecem  determinados pontos turísticos,  mediante as imagens conhecidas que normalmente circulam pela internet, onde os monumentos famosos do mundo, mostram toda a sua beleza ou a sua glória histórica. Entretanto, o  mundo mudou desde que estas estruturas foram construídas. Principalmente no entorno destes monumentos históricos muito antigos... Acompanhe-me  agora  e veja em que perspectiva interessante estão inseridos  determinadas construções da humanidade.  Aviso que trata-se de um post longo, com muita informação histórica que pesquisei e recolhi, para inserir  aqui. Seria impossível resumir tantos dados importantes! Por isso, vale a pena você perder mais tempo aqui hoje e apreciar essa viagem incrível!  Irá se surpreender!

1-As Pirâmides de Gizé (EGITO)

Trata-se de um sítio arqueológico localizado nos arredores do Cairo, Egito. Este complexo de monumentos antigos inclui os três complexos de pirâmides conhecidas como as Grandes Pirâmides, a escultura maciça conhecida como a Grande Esfinge, vários cemitérios, uma vila operária e um complexo industrial. A necrópole está localizada a cerca de 9 km do interior do deserto para a cidade velha de Gizé, no Nilo, e cerca de 25 km a sudoeste do centro da cidade do Cairo, no local da antiga cidade egípcia de Mênfis. As pirâmides, que sempre tiveram grande importância como emblemas do antigo Egito no imaginário ocidental, foram popularizadas nos tempos helenísticos, quando a Grande Pirâmide foi listada por Antípatro de Sídon ,como uma das Sete Maravilhas do Mundo. É, de longe, a mais antiga das maravilhas do mundo antigo e a única que ainda existe.

Visão aérea da pirâmides que permanecem protegidas da cidade que cresceu ao redor delas. Magnífica visão:


2- A Acrópole de Atenas (GRÉCIA)

A Acrópole de Atenas é a mais conhecida e famosa acrópole do mundo. Embora existam muitas outras acrópoles na Grécia, o significado da Acrópole de Atenas é tal que é comumente conhecida como A Acrópole, sem qualificação. É uma colina rochosa de topo plano que se ergue 150 metros acima do nível do mar, em Atenas, capital da Grécia, e abriga algumas das mais famosas edificações do mundo antigo, como o Partenon e o Erecteion.

As acrópoles da Antiga Grécia eram, como o próprio nome diz, "cidades altas" (do grego ἄκρος, "alto", e πόλις, "pólis"); construídas no ponto mais elevado das cidades, serviam originalmente como proteção contra invasores de cidades inimigas, e quase sempre eram cercadas por muralhas. Com o tempo, passaram a servir como sedes administrativas civis ou religiosas. A Acrópole de Atenas foi construída por volta de 450 a.C., sob a administração do célebre estadista Péricles; Foi dedicada a Atena, deusa padroeira da cidade. A maior parte das estruturas da Acrópole de Atenas estão em ruínas. Entre as que ainda estão de pé, estão o Propileu, o portal para a parte sagrada da Acrópole; O Partenon, templo principal de Atenas; O Erecteu, templo dos deuses do campo, e o Templo de Athena Nice, simbólico da harmonia do estado de Atenas.
 
A cidade desponta em torno do monumento de forma impressionante... Veja:


3-O Arco do Triunfo (FRANÇA)

O Arco do Triunfo é um monumento, localizado na cidade de Paris, construído em comemoração às vitórias militares do Napoleão Bonaparte, o qual ordenou a sua construção em1806. Inaugurado em 1836, a monumental obra detém, gravados, os nomes de 128 batalhas e 558 generais. Em sua base, situa-se o Túmulo do soldado desconhecido (1920). O arco localiza-se na praça Charles de Gaulle, no encontro das avenidas Charles de Gaulle e Champs-Élysées. Nas extremidades das avenidas encontram-se a Praça da Concórdia e na outra La Defense.Com 50 metros de altura, o monumental arco tornou-se, desde então, ponto de partida ou passagem das principais paradas militares, manifestações e, claro, visitas turísticas.
 
Parece que em Paris tudo converge para o Arco do Triunfo: 


4-Stonehenge (REINO UNIDO)

Constituí-se no mais visitado e conhecido círculo de pedras britânico, e até hoje é incerta a origem da sua construção, bem como da sua função, mas acredita-se que era usado para estudos astronômicos, mágicos ou religiosos.

Trata-se de alinhamento megalítico da Idade do Bronze, localizado na planície de Salisbury, próximo a Amesbury, no condado de Wiltshire, no Sul da Inglaterra.
O Stonehenge é uma estrutura composta, formada por círculos concêntricos de pedras que chegam a ter cinco metros de altura e a pesar quase cinquenta toneladas.Segundo dados mais recentes, obtidos por arqueólogos chefiados por Mike Parker Pearson, Stonehenge está relacionada com a existência do povoado Durrington. Este povoado formado por algumas dezenas de casas construídas entre 2600 a.C. e 2500 a.C., situado em Durrington Walls, perto de Salisbury.
 
É considerada a maior aldeia neolítica do Reino Unido, localizada em um local mágico, central, místico! Veja só:


5-Central Park (New York City) EUA

Adicionar legenda

O Central Park (Parque Central) é um grande parque dentro da cidade norte-americana de New York, no estado de mesmo nome. Possui uma área de 3,410 m² (341 hectares), e está localizado no distrito de Manhattan. Foi inaugurado em 1857, com 843 acres (ou 341 hectares), e é considerado, por muitos nova-iorquinos, um oásis dentro da grande floresta de arranha-céus existente na região. É um lugar onde as pessoas podem diminuir o ritmo frenético de New York: elas  podem sentar em um banco e ler o jornal, conversar com os amigos, jogar, andar de bicicleta ou brincar com as crianças.

Com os aproximadamente vinte e cinco milhões de visitantes anualmente, o Central Park é o parque mais visitado da cidade e aparece em muitos filmes e programas de televisão, tornando-o conhecido no mundo todo. Embora o parque pareça natural, ele é, na verdade, ajardinado quase inteiramente e contém diversos lagos artificiais, trilhas para caminhadas, duas pistas de patinagem no gelo, um santuário vivo e campos diversos.

Parece um pulmão verde no meio de um paredão de pedras: 


6- O  Panteão  de  Roma (ITÁLIA)

O Panteão, situado em Roma, Itália, também conhecido como Panteão de Agripa, é o único edifício construído na época greco-romana que, atualmente, se encontra em perfeito estado de conservação. Desde que foi construído, que se manteve em uso: primeiro como templo dedicado a todos os deuses do panteão romano (daí o seu nome) e, desde o século VII, como templo cristão. É famoso pela sua cúpula.
O Panteão original foi construído em 27 a.C., durante a República Romana, durante o terceiro consulado de Marco Vipsânio Agripa.

Efetivamente, o seu nome está inscrito sobre o pórtico do edifício. Lê-se aí: M.AGRIPPA.L.F.COS.TERTIUM.FECIT, o que significa: "Construído por Marco Agripa, filho de Lúcio, pela terceira vez cônsul". De fato, o Panteão de Agripa foi destruído por um incêndio em 80 d.C., sendo totalmente reconstruído em 125, durante o reinado do imperador Adriano, como se pode comprovar pelas datas impressas nos tijolos que fazem parte da sua estrutura. A inscrição original, referindo-se à sua fundação por Agripa foi, então, inserida na fachada da nova construção de acordo com uma prática habitual nos projetos de reconstrução devidos a Adriano, por toda a Roma.

É tão interessante, pois o Panteão tem uma cúpula magnífica que é observada, com detalhes em um passeio aéreo, onde se denota a antiguidade da cidade de Roma.


7- A Cidade Proibida (CHINA)

A Cidade Proibida foi o palácio imperial da China desde meados da Dinastia Ming até ao fim da Dinastia Qing. Fica localizada no centro da antiga cidade de Pequim, acolhendo atualmente o "Palácio Museu". Durante quase cinco séculos serviu como residência do Imperador e do seu pessoal doméstico, sendo o centro cerimonial e político do governo chinês.

O título de Cidade Proibida surgiu pelo fato de somente o imperador, sua família e empregados especiais terem permissão para entrar no conjunto de prédios do palácio. Trata-se de uma cidade dentro de outra cidade. Sede de um governo burocrático que comandou o império mais populoso da Terra, é o maior palácio do planeta, cujos rumores sempre apontavam a existência de 9.999 divisões. Durante séculos, apenas a família do imperador, além dos oficiais e empregados mais graduados, tinham permissão de entrar no local. Qualquer outra pessoa que ousasse atravessar seus portões sem a devida autorização, era sujeita a uma execução sumária e dolorosa.

Construído entre 1406 e 1420, o complexo consiste em 980 edifícios sobreviventes, com 8.707 secções de salas e cobre 720.000 metros quadrados. O complexo exemplifica a arquitetura palaciana tradicional chinesa, tendo exercido influências culturais e arquitetônicas desenvolvidas na Ásia Oriental e um pouco por todo o lado.
 
A Cidade Proibida foi declarada Patrimônio Mundial da Humanidade em 1987,estando listado pela UNESCO como a maior coleção de antigas estruturas de madeira preservadas no mundo. 

Veja que espetáculo, a cidade proibida  iluminando a cidade com suas cores cobre e dourada:


8- Cataratas  de Niágara (CANADÁ)

Niagara Falls - Cataratas do Niágara, é uma  catarada localizada na província canadense de Ontário, perto da fronteira canadense com os Estados Unidos, Estado de Nova Iorque. Fica à beira das Cataratas do Niágara, no rio Niágara. À leste, a cidade de Niagara Falls, Ontário, conecta-se através de duas pontes com a cidade de Niagara Falls, Nova Iorque. Sua população é de 78 .815 habitantes.
 
Devido à bela paisagem natural proporcionada pelas cataratas, onde a cidade está localizada, a principal fonte de renda da cidade é o turismo.  

Realmente um oásis em plena selva de pedra:


9-  Taj Mahal (ÍNDIA)

O é um mausoléu situado em Agra, uma cidade da Índia sendo o  mais conhecido dos monumentos do país. Encontra-se classificado pela UNESCO como Patrimônio da Humanidade. Foi anunciado como uma das Novas Sete Maravilhas do Mundo Moderno em uma celebração em Lisboa, no dia 7 de Julho de 2007.

A obra foi feita entre 1632 e 1653 com a força de cerca de 20 mil homens, trazidos de várias cidades do Oriente, para trabalhar no suntuoso monumento de mármore branco que o imperador Shah Jahan mandou construir em memória de sua esposa favorita, Aryumand Banu Begam, a quem chamava de Mumtaz Mahal ("A jóia do palácio"). Ela morreu após dar à luz o 14º filho, tendo o Taj Mahal sido construído sobre seu túmulo, junto ao rio Yamuna.

Assim, o Taj Mahal é também conhecido como a maior prova de amor do mundo, contendo inscrições retiradas do Corão. É incrustado com pedras semi -preciosas, tais como o lápis-lazúli entre outras. A sua cúpula é costurada com fios de ouro. O edifício é flanqueado por duas mesquitas e cercado por quatro minaretes.
 
Entretanto, em torno do maravilhoso monumento, denota-se a pobreza, a sujeira e o abandono do próprio país onde está inserido, em um contraste sem igual. Realmente chocante  observar o contraste  da riqueza versus a pobreza inerente:


10-Portão de Brandemburgo (ALEMANHA)

Pois é  amigos, o  Portão de Brandemburgo ou Porta de Brandemburgo (em alemão: Brandenburger Tor) está em festa!! Os alemães comemoraram lá a vitória  esmagadora sobre a seleção brasileira, no dia 08 de julho de 2014. Ele, o portão, é  um tipo de arco do triunfo, símbolo da cidade de Berlim, capital da maior cidade da Alemanha.  É o único remanescente de uma série de outras entradas de Berlim. Constitui na terminação monumental da "Unter den Linden" (uma das principais avenidas da cidade), que dá acesso à residência real. Sua construção foi ordenada pelo rei prussiano Frederico Guilherme II (Friedrich Wilhelm II) e executada pelo arquiteto Carl Gotthard Langhans.

Construída no estilo neoclássico no projeto de Carl Gotthard Langhans, possui doze colunas dóricas de estilo grego. Sendo seis de cada lado. Há cinco vãos centrais por onde passam cinco estradas. Sobre o arco está a "quadriga" (estátua da deusa grega Irene - deusa da paz, em uma biga puxada por quatro cavalos).Suas dimensões são: 26 m de altura, 11 m de profundidade e 65 m de largura. (visto de frente).
 
Ele está encrustado na cidade e continua muito preservado, como você pode observar abaixo:


11- Monte Rushmore (EUA)

O Monte Rushmore (em inglês: Mount Rushmore) localiza-se em KeystoneDakota do Sul, Estados UnidosÉ um monte onde estão esculpidos os rostos de quatro Presidentes dos Estados Unidos: George Washington, o primeiro presidente dos EUA, Thomas Jefferson, autor da declaração da independência, Theodore Roosevelt, que conquistou maior conhecimento e liberdade de expressão , e Abraham Lincoln, que lutou pela paz do país durante toda guerra civil. Ideia do pintor e escultor Gutzon Borglum, inicialmente, era para ser feito apenas um busto, mas houve muita indecisão em relação a qual deveria ser construído. Após a decisão do primeiro busto a ser construído, foram montados os primeiros andaimes em 1899. Demorou 30 anos para a obra ser terminada.

O monumento é uma das atrações turísticas mais conhecidas dos Estados Unidos, rendendo ao Estado de Dakota do Sul, o codnome de The Mount Rushmore State. Os gigantescos rostos, de 15 a 21 metros de altura, de George Washington, Thomas Jefferson, Abraham Lincoln e Theodore Roosevelt foram construídos com antigos instrumentos de engenharia, marretas e martelos a 150 metros de altura, na região de Black Hills. Borglum morreu pouco tempo antes de completar o seu trabalho. Terminada por seu filho, Linglut, a obra foi inaugurada em 1946.
 
Uma obra grandiosa e no meio do nada, onde até se confunde com as rochas do local, sem sombra de dúvida:

 

12-Mont St. Michel -  França

O Monte Saint-Michel (francês Mont Saint-Michel) é um ilhote rochoso na foz do Rio Couesnon, no departamento da  Mancha, na França, onde foi construído uma abadia (abadia do Monte Saint-Michel) e santuário em homenagem ao arcanjo São Miguel. Seu antigo nome é "Monte Saint-Michel em perigo do mar".

Este mosteiro, fortificado no século XIII, integra um conjunto com mais três cidades cujas fortificações e desenvolvimento são notáveis: Aigues-Mortes (1270-1276), ponto de reunião dos Cruzados rumo à Terra Santa, Carcassone, célebre por suas defesas, e Avinhão, sede alternativa da Cristandade (1309-1377). Estas cidades fortificadas, denominadas "bastides" marcavam a fronteira dos reinos ao final da Idade Média, servindo como elementos de defesa e dando ao povo novas oportunidades sociais. Foram construídas mais de 300 só na França, entre os anos de 1220 e 1350. A arquitetura prodigiosa do monte Saint-Michel e sua baía constituem o ponto turístico mais frequentado da Normandia e um dos primeiros da França, com cerca de 3 200 000 visitantes por ano. Uma estátua de São Miguel colocada no topo da igreja abacial culmina a 170 metros de altura.

Diversos prédios e habitações do sítio são, a título individual, classificados como monumentos. Veja só como é em volta dele, que fica praticamente inserido no mar:

13-Sagrada Família (Barcelona-ESPANHA)

Templo Expiatório da Sagrada Família, é também conhecido simplesmente como Sagrada Família. Trata-se de um grande templo católico da cidade catalã de Barcelona(Espanha), desenhado pelo arquiteto catalão Antoni Gaudí, e considerado por muitos críticos como a sua obra-prima e expoente da arquitetura modernista catalã. Financiado unicamente por contribuições privadas, o projeto foi iniciado em 1882 e assumido por Gaudí em 1883, quando tinha 31 anos de idade, dedicando-lhe os seus últimos 40 anos de vida, os últimos quinze de forma exclusiva. A construção foi suspensa em 1936 devido à Guerra Civil Espanhola e não se estima a conclusão para antes de 2026, centenário da morte de Gaudí.

A construção começou em estilo neogótico, mas o projeto foi reformulado completamente por Gaudí ao assumi-lo. O templo foi projetado para ter três grandes fachadas: a Fachada da Natividade, quase terminada com Gaudí ainda em vida, a Fachada da Paixão, iniciada em 1952, e a Fachada da Glória, ainda por completar. Segundo o seu proceder habitual, a partir de esboços gerais do edifício Gaudí improvisou a construção à medida que esta avançava. O templo, quando estiver terminado, disporá de 18 torres: quatro em cada uma das três entradas-portais,em cúpulas; irá ter um sistema de seis torres, com a torre do zimbório central dedicada a Jesus Cristo, de 170 metros de altura, outras quatro ao redor desta, dedicadas aos evangelistas, e um segundo zimbório dedicado à Virgem Maria. O interior estará formado por inovadoras colunas arborescentes inclinadas e abóbadas baseadas em hiperboloides e paraboloides buscando a forma  da catenária

Estima-se que poderá levar no seu coro 1500 cantores, 700 crianças e cinco órgãos. Em 1926, ano em que faleceu Gaudí, apenas estava construída uma torre. Do projeto do edifício só ficaram planos e um modelo em gesso que resultou muito danificado durante a Guerra Civil Espanhola. Desde então prosseguiram as obras: atualmente (2014) estão terminados os portais da Natividade e da Paixão, e foi iniciado o da Glória, estando em construção as abóbadas interiores.

É realmente incrível a visão aérea da cidade de Barcelona, em torno do Templo da Sagrada Família: 

14- Catedral de São Basílio (Moscou- RÚSSIA)

A Catedral de São Basílio (em russo: Собор Василия Блаженногo/Sobor Basiliya Blazhennogo), é uma catedral ortodoxa russa erguida na Praça Vermelha em Moscou, Rússia, entre 1555 e 1561. Construída sob a ordem de Ivã IV da Rússia, para comemorar a captura de Kazan e Astrakhan, marca o centro geométrico da cidade e o centro do seu crescimento, desde o século XIV.Foi o edifício mais alto de Moscou até a conclusão do Campanário de Ivã, o Grande, em 1600.

O edifício original, conhecido como "Igreja da Trindade" e depois de "Catedral da Trindade", continha oito igrejas laterais dispostas ao redor do edifício central; a décima igreja foi erguida em 1588 sobre o túmulo do santo conhecido como Vasily (Basílio). Nos séculos XVI e XVII a catedral, considerada o símbolo terreno da "Cidade Celestial",era popularmente conhecida como "Jerusalém" e serviu como uma alegoria ao Templo de Jerusalém no desfile de Domingo de Ramos com a presença do Patriarca de Moscou e do czar.

O projeto do edifício, em forma de chama de uma fogueira subindo ao céu, não tem análogos no domínio da arquitetura russa: É como nenhum outro edifício russo. Nada semelhante pode ser encontrado no milênio inteiro da tradição bizantina, do século V ao XV ... um estranhamento que surpreende pela sua imprevisibilidade, complexidade e beleza. A catedral antecipou o clímax da arquitetura nacional da Rússia no século XVII. A catedral tem operado como uma divisão do Museu Histórico do Estado desde 1928.Foi completamente secularizada em 1929 e, em 2010, continuou a ser uma propriedade federal da Federação Russa.
 
A catedral é parte do Kremlin e da Praça Vermelha, Patrimônio Mundial da UNESCO desde 1990. Uma visão realmente fantástica:

15-Santorini (GRÉCIA)

Santorini (Σαντορίνη), chamada oficialmente Tira (em grego: Θήρα) e Tera na Antiguidade, é uma ilha no sul do mar Egeu, a cerca de 200 quilômetros a sudeste da Grécia continental. É a maior ilha de um pequeno arquipélago circular que leva o mesmo nome e é o resto de uma caldeira vulcânica. O conjunto de ilhas forma o membro mais ao sul do grupo de ilhas Cíclades, com uma área de aproximadamente 73 quilômetros quadrados e uma população estimada em 2011 em 15.550 habitantes. O município de Santorini compreende as ilhas habitadas de Santorini e Terasia e as ilhas desabitadas de Nea Kameni, Palaia Kameni, Aspronisi e Cristiana. O arquipélago tem uma área total de 90,623 km² e é parte da unidade periférica grega de Tira.

O arquipélago de Santorini é essencialmente o que restou depois de uma gigantesca erupção vulcânica que destruiu os primeiros assentamentos humanos que existiam na antiga ilha e que criou a caldeira geológica atual. A enorme lagoa central retangular, que mede cerca de 12 por 7 km, é cercada por 300 metros de altura de íngremes penhascos, em três dos seus lados. A ilha principal é inclinada em direção ao mar Egeu. No quarto lado, uma lagoa é separada do mar por uma outra ilha menor chamada Terasia. A lagoa está ligada ao mar em dois lugares, a noroeste e sudoeste. A profundidade de 400 metros da cratera torna possível que todos os maiores navios de cruzeiro ancorem em qualquer lugar da baía protegida, há também uma marina recém-construído em Vlychada, na costa sudoeste. O principal porto da ilha é Athinias. A capital, Fira, localiza-se no topo de um penhasco, de frente para a lagoa da caldeira. As rochas vulcânicas presentes de erupções anteriores apresentam olivina e têm uma pequena presença de hornblenda.

Santorini é o centro vulcânico mais ativo no arco vulcânico do sul do mar Egeu, embora o que permaneça até hoje seja principalmente uma caldeira cheia de água. O arco vulcânico tem aproximadamente 500 km de comprimento e de 20 a 40 quilômetros de largura. A região registrou sua primeira atividade vulcânica cerca de 3-4 milhões de anos atrás, apesar de vulcanismo em Thera ter começado cerca de 2 milhões de anos atrás.

A ilha é o local de uma das maiores erupções vulcânicas já registradas na história humana: a erupção minoica (às vezes chamada de erupção de Tera), ocorreu cerca de 3600 anos atrás, no auge da civilização minoica. A erupção deixou uma grande cratera rodeada por depósitos de cinzas vulcânicas há centenas de metros de profundidade e pode ter levado, indiretamente, ao colapso da civilização minoica na ilha de Creta, 110 km ao sul, através da formação de um gigantesco tsunami

Outra teoria popular diz que a erupção de Tera é a fonte da lenda de Atlântida.Veja que maravilha:

16-  A muralha da China

A Muralha da China, também conhecida como a Grande Muralha, é uma impressionante estrutura de arquitetura militar construída durante a China Imperial.A Grande Muralha consiste de diversas muralhas, construídas durante várias dinastias ao longo de aproximadamente dois milênios (começou no ano 220 a.C com término no século XV, durante a Dinastia Ming). Se, no passado, a sua função foi essencialmente defensiva, no presente constitui um símbolo da China e uma procurada atração turística.

As suas diferentes partes distribuem-se entre: o Mar Amarelo (litoral Nordeste da China), o deserto de Góbi e, a Mongólia (a Noroeste).Os chineses ergueram muros para se proteger de invasões dos povos ao norte. As primeiras construções surgiram antes da unificação do império, em 221 a.C. Ao unir sete reinos em um país, o imperador Qin Shihuang (259-210 a.C. - Dinastia Chin) começou a unificar a muralha, aproveitando as inúmeras fortificações construídas por reinos atuais. Com aproximadamente três mil quilômetros de extensão à época, foi ampliada nas dinastias seguintes.

Com a morte do imperador Qin Shihuang, iniciou-se na China um período de agitações políticas e de revoltas, durante o qual os trabalhos na Grande Muralha ficaram paralisados. Com a ascensão da Dinastia Han ao poder, por volta de 206 a.C., reiniciou-se o crescimento chinês e os trabalhos na muralha foram retomados ao longo dos séculos até o seu esplendor na Dinastia Ming, por volta do século XV, quando adquiriu os atuais aspectos e uma extensão de cerca de sete mil quilômetros. Acredita-se que os trabalhos na muralha ocuparam a mão de obra de cerca de um milhão de operários (até 80% teriam perecido durante a sua construção, por causa da má alimentação e do frio), entre soldados, camponeses e prisioneiros.

A magnitude da obra, entretanto, não impediu as incursões de mongóis, xiambeis e outros povos, que ameaçaram o império chinês ao longo de sua história. Por volta do século XVI perdeu a sua função estratégica, vindo a ser abandonada a partir de 1664, com a expansão chinesa na direção norte na Dinastia Qing.

No século XX, na década de 1980, Deng Xiaoping deu prioridade à Grande Muralha como símbolo da China, estimulando uma grande campanha de restauração de diversos trechos. Porém, a requalificação do monumento como atração turística sem normas para a sua utilização adequada, aliada à falta de critérios técnicos para a restauração de alguns trechos (como o próximo a Jiayuguan, no Oeste do país, onde foi empregado cimento moderno sobre uma estrutura de pedra argamassada, que levou ao desabamento de uma torre de seiscentos e trinta anos), geraram várias críticas por parte dos preservacionistas, que estimam que cerca de dois terços do total do monumento estejam em ruínas.
Estende-se desde o passo de Jiayuguan (província de Gansu), lado oeste, até a foz do rio Yalujiang (província de Liaoning), lado leste. . Atravessa o Deserto de Gobi, quatro províncias (Hebei, Shanxi, Shaanxi e Gansu) e duas regiões autônomas (Mongólia e Ningxia).

Em 2012 foi anunciado que a Muralha da China mede 21.196 quilômetros na totalidade e aproximadamente 7 metros de altura. Esta medida contempla todas as paredes que foram alguma vez construídas, mesmo as que já não existem..
 
A Muralha da China após concurso informal internacional em 2007, foi considerada uma das Novas Sete Maravilhas do Mundo.

Essa perspectiva é interessante: A muralha  termina abruptamente, logo que atinge o oceano. Estranho não é?

Tomara que você tenha gostado da nossa viagem de férias! Beijos e belíssima semana! Aproveitem a vida!

Fonte de inspiração: Monumentos sob novas perspectivas e  Wikipédia

Seu comentário é muito bem-vindo! Obrigada!

18 comentários:

  1. Adriana,

    após uma excursão mundial usando a agencia de turismo de Vivendo a Vida Bem Feliz, respondo:

    Pröst!

    E mais, a Alemanha é lindíssima. Dentro mesmo de Berlin existem atrações maravilhosas.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite minha querida fadinha!!

      Ah, que bom que você apreciou a nossa viagem de Férias..rsrs
      Foram tantos lugares não é: Rodopiamos o mundo e conhecemos locais fantásticos!
      Sim, a Alemanha é um país cheio de mistérios, de lugares incríveis e lindos!
      Adoraria conhecer ao vivo e a cores a cidade de Berlim amiga!
      Ainda irei, com toda a certeza! :)))

      Obrigada por vir querida, você sempre um amor!
      Beijinhos e uma ótima semana!
      Precisamos não é mesmo?
      Beijos!!

      Excluir
  2. Olá que maravilha,lindos estes lugares,Adorei ver Barcelona do alto,bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bernadete, muito bom dia querida!

      Ah, como é bom entrar em férias e viajar para locais tão conhecidos assim não é?
      Se não for real, pelo menos que seja primeiramente virtual, pois conhecemos mais cada pedacinho da história que originou o monumento e quando estivermos lá, saberemos tecer todos os detalhes para informar quem nos acompanha! Bárbaro isso não é? rsrs

      Barcelona é uma cidade antiga, cula vista aérea é mesmo impressionante! É tudo igual, muito bem organizado e planejado! Realmente foi uma grande surpresa vê-la assim, do alto!!

      Obrigada pela participação e presença querida!
      Beijinhos e uma semana maravilhosa!! :)))))

      Excluir
  3. Que legal amiga, adorei, estive em Stonehenge, e tenho todos os outros tantos na lista, afff se pudesse só vivia na ponte aérea srsrrs Bjosssss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kellen, boa tarde querida!
      Ah, lembro-me bem do seu post de Stonehenge! Lá é belíssimo, parece um lugar mágico não é? Tem muita energia, algo místico e misterioso! Adoro!!

      Puxa, mas você já viajou para tantos lugares lindos de forma real!!
      Eu, por enquanto só virtualmente...hehehe
      Agradecida por sua presença linda!!

      Beijinhos e um restinho de semana maravilhoso!

      Excluir
  4. Sonho em conhecer pessoalmente todos esses lugares.
    Big beijos
    Lulu on the Sky

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lulu, boa noite querida!
      Quem dera arrumar as malas e partir par todos esses destinos como se não houvesse amanhã não é mesmo? rsrs

      Eu também sonho com esses lugares magníficos, pois é história viva da humanidade!
      Agradecida pelo carinho da presença tá?
      Muitos beijinhos!! :)))))))
      Bom restinho de semana!!

      Excluir
  5. Olá Adriana,
    Existem algumas maneiras de os homens de uma determinada era transmitirem seu legado para o porvir: através da escrita, da pintura, cujos conceitos e utilidade abordamos na introdução das melhores obras de arte de todos os tempos. As grandes construções da humanidade ajudam a contar a história dos povos que as construíram (detalhes como os aspectos de engenharia utilizados, que dão uma boa noção a respeito dos conhecimentos científicos, ou as pinturas nas paredes mostrando fatos do cotidiano de uma civilização, como podemos ver nas grandes pirâmides do Egito, por exemplo), e desafiam o tempo e o espaço: tudo ao redor delas pode mudar, e elas permanecem, e aqui, nesta postagem vimos e podemos falar de construções de pelo menos 10 séculos ou mais de existência.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Alfeu, tudo bem?

      Eu estava em clima de férias, por isso minha ausência por aqui..rsrs
      Suas palavras são motivadoras, obrigada!!
      A cultura estampada nos grandes monumentos da humanidade é algo grandioso, sem precedentes!!

      Agradeço por sua presença!
      Abraços e uma grande e especial semana!! :))))

      Excluir
  6. Adriana querida,

    Hoje passo apenas para agradecer o seu precioso conforto e palavras de carinho. Valeu,amiga!
    Oportunamente, retornarei às visitações e leituras. Preciso de um tempo para assimilar a dolorosa perda, pois hoje completa apenas quatro dias que minha mão faleceu.
    Na oportunidade, parabenizo-a pelos três anos de seu maravilhoso espaço.
    Imensamente grata.

    Beijão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vera, eu que agradeço sua adorável presença por aqui, mesmo passando por momentos de tanta dor..
      A perda é algo que dói demais, é necessário tempo para se recompor!

      Fico muito grata por sua participação e felicitações do aniversário de 3 anos do Blog!
      Muitos beijos e que a paz esteja sempre com você e sua doce família querida!!
      Beijos e uma excelente semana!! ♥

      Excluir
  7. Que delícia de viagem, amiga!
    Tudo muito interessante ! Dá até agua na boca, mas este post tão bem bordadinho por você, já nos mata um pouco da vontade e da curiosidade. E quanta curiosidade, não? Estou aqui encantada. É que amo viajar! Não importa a forma! rs

    Parabéns pelo delicioso post, menina linda!
    Você é demais!

    Beijocas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ôooooba Lu, querida!
      Que bom que você gostou!!
      Viajamos por tantos monumentos famosos do mundo inteiro sem sair do lugar não é? rsrsrsrs

      São muitas curiosidades, tive que me controlar para colocar somente o necessário..rsrs
      Senão o post seria infinito...hehehe
      A cultura mundial é impressionante!
      E olha que faltou muita coisa ainda...
      Quem sabe em cenas do próximo capítulo?

      Beijos e muito obrigada minha querida poetisa!!
      Você sempre de uma simpatia que transborda florzinhas do campo!!
      Beijos, beijos, beijos e uma semana liiinda!! ♥♥

      Excluir
  8. Que lugares extraordinários e que imagens lindas, Adriana. Uma viagem e tanto. E tudo em um só post. Adorei. Deu pra viajar muito sem sair do lugar. Sobre o Brasil, prefiro não comentar aquela vergonha... Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde Sérgio!
      São lugares incríveis, maravilhosos, lindos não é amigo?
      Lugares carregados de energia, alguns com energia de séculos de história!
      Sim, coloquei tudo junto e misturados...rsrsrs
      Pois quando viajamos, queremos ir a vários lugares ao mesmo tempo e virtualmente, podemos tudo, nesse sentido!!

      Obrigada pela presença amigo, é sempre muito gentil!!
      Beijos e uma semana maravilhosa, incrível!! :)))))

      Excluir
  9. Oi Adriana!

    Sempre belíssimos posts!!! Lugares incrivelmente bonitos!!! Obras-prima produzida pelas mentes e mãos humanas, o homem quando usa sua capacidade para fazer o bem proporciona aos demais a contemplação de um magnífico e mágico espetáculo. Quanta cultura e belezas naturais!!! Estupendo! Lugares fascinantes!!! Dá vontade entrar dentro da tela do computador. Eu aprecio todos estes lugares citados no seu post! Mas o Tajmahal tem um certo fascínio e uma linda história de amor (já fiz post sobre ele). Muito lindo mesmo!
    Tenha um ótimo fim de semana! :)))))
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bia, que bom que gostou desta viagem amiga!!

      É um verdadeiro espetáculo da arte, da humanidade!
      Nestes monumentos entendemos um pouco da origem de tudo e também buscamos respostas dos motivos de existir tanta guerra na humanidade, até hoje em dia... o que é lamentável... As mentes e mãos humanas realmente são capazes de tudo e quem dera se só fossem utilizadas para o bem e benefício das pessoas!

      O Tajmahal é algo inacreditável de tanta beleza! Porém , o contraste com a pobreza ao redor do monumento é assustador! Um País dilacerado pela desigualdade, pelas condições sociais dilapidadas e com um joia preciosa assim, brotando em meio à mais vasta sujeira e pobreza!! É até instigante tudo isso!!

      Adorei você ter vindo querida, é sempre um grande prazer recebê-la e tê-la comigo!!
      Beijinhos e um início de semana maravilhoso!!♥♥♥

      Excluir

Fique à vontade para expressar seus sentimentos e sugestões.
Você é sempre muito bem-vindo(a)! Obrigada e Abraços!

Tecnologia do Blogger.